06 abril 2006

Denúncia


Lago da Praça da Batalha



O Lago foi construído e a manutenção ficou sob o encargo da natureza, que ali deposita (e renova...) a água quando chove. Entretanto, de vez em quando, alguém que por lá passa lança-lhe um dejecto, para compor o quadro. Imagine-se o cheiro quando chegar o sol do Verão.

1 comentário:

KOSTA DE ALHABAITE disse...

Fernando: bem apanhado!
Na realidade isto só demostra que quando faltar um anito para as próximas eleições autárquicas algum zeloso da câmara mandará efectuar o embelezamento da fonte. Até lá, os portuenses levam com a "categoria" do Rio e da sua vereação. Nunca me enganaram... Aliás, se notar bem, a Cidade está PARADA! Umas obritas no centro e nada mais: social, cultural e cívicamente esta Cidade perdeu os seus Grandes Homens, aqueles que faziam respeitar a Cidade e honrar os seus pergaminhos...